blog

Caxumba: como proteger você e sua família

O que é a caxumba?
A caxumba é uma doença provocada por um vírus da família paramyxoviridae caracterizada por dor, febre e aumento de uma ou mais glândulas salivares que ficam nas laterais do pescoço, abaixo da mandíbula.

Como se pega a caxumba?
A transmissão ocorre pelo ar e pelo contato com secreções respiratórias de pessoas infectadas ou por transmissão indireta que é menos frequente, mas pode ocorrer pelo contato com objeto e utensílios contaminados com secreção do nariz e/ou boca.

Qual o período de contagiosidade?
Uma vez infectada com caxumba, a pessoa pode contaminar outros no período entre 6 e 7 dias antes das manifestações clínicas e até 9 dias após o surgimento dos sintomas. O vírus também pode ser encontrado na urina até 14 dias após o início da doença. O período de incubação, tempo em que o vírus fica no corpo até o início dos sintomas, é, em média, de 16 a 18 dias.

Quais são as complicações da caxumba?
As complicações são raras. Uma delas é a meningite viral, forma mais branda da infecção que atinge as membranas que envolvem o encéfalo. Outras são a orquite, inflamação dos testículos, e a ooforite, inflamação dos ovários.

Como prevenir?
A melhor maneira de evitar a doença é lavar as mãos várias vezes ao dia, manter a imunidade alta ? com boa alimentação, higiene e hábitos de saúde ? e, principalmente, tomar a vacina tríplice viral, que protege contra caxumba, sarampo e rubéola. Ela deve ser tomada a partir de um ano de idade em duas doses, com intervalo de três meses entre elas. A partir dos 19 anos, uma dose única é o suficiente.

Qual a principal faixa etária?
A doença é muito mais comum em crianças e pré-adolescentes, entre os 11 e 16 anos.

Existe tratamento?
A caxumba não tem um remédio específico. O tratamento consiste em aliviar os sintomas de dor e mal-estar e fazer repouso para que o próprio organismo combata o vírus.

Quem não pode tomar vacina?
A vacina não é indicada para gestantes, pessoas que fizeram uso de imunoglobulinas, imunodeprimidos, pacientes em uso de corticosteroides e pessoas alérgicos a qualquer componente da vacina tríplice viral.

Onde encontrar a vacina?
Você pode encontrar a vacina em postos de saúde e nas clínicas de vacinação particulares.

Desmistificando a alimentação complementar

A nutrição adequada na infância é fundamental para garantir o crescimento e desenvolvimento normal da criança e a sua saúde..

O leite materno atende perfeitamente às necessidades dos bebês até o sexto mês de vida. Muito mais do que um conjunto de nutrientes, é um alimento essencial por conter substâncias protetoras. O leite materno não apenas proporciona proteção contra infecções e alergias como também estimula o desenvolvimento do sistema imunológico e a maturação do sistema digestório e neurológico.

Sabe se que após o fim do quinto mês de vida, a produção de leite materno passa a não acompanhar a demanda da criança, tornando-se necessária a complementação de proteína, ferro, vitaminas do complexo B, entre outros nutrientes, para atender as necessidas da criança. Já é possível observar que naturalmente ocorre a preparação do organismo da criança para a próxima etapa.

Por volta dos seis meses, ocorre a erupção da dentição, o aumento da destreza manual, a secreção de enzimas responsáveis pela digestão dos carboidratos (como batata e arroz) e redução do reflexo de expulsão (quando a criança empurra a colher para fora da boca com a língua). Esses são indicativos de maturidade que autorizam o início da alimentação complementar. Porém é muito importante o cuidado sobre quais os alimentos podem ser oferecidos, pois o sistema digestório e renal da criança ainda são imaturos, e alguns podem não ser adequados ainda nessa etapa.

A alimentação complementar visa, em primeiro momento, complementar o leite materno e progressivamente, substitui-lo. Assim essa alimentação, pode ser chamada de transição, pois tem como objetivo nutrir a criança de forma a estimular suas capacidades de mastigação, fortalecimento do tônus muscular da face, a fim de preparação o inicio da fala. Portanto sabe se que neste processo a consistência e o tipo de alimento oferecido são fundamentais.

carregando...